sexta-feira, 26 de julho de 2013

A Doutrina de Tia Neiva



                                        A DOUTRINA DE TIA NEIVA

Salve Deus!
Até um ou dois anos antes de Tia Neiva desencarnar, havia certa coisas ou situações que o corpo mediúnico tomava consciência e muitos dessas observações eram passadas de boca ou através dos instrutores e nas reuniões dos Adjunto veteranos.
Falava se muito do BOQUEIRÃO! Este local era um local que havia do lado da estrela nas imediações que ficava perto do Quadrante. Diziam que que a Clarividente sempre falava que aquele local não poderia ser habitado. Pois ali era feito uma espécie de cultura, uma preparação para os espíritos que iriam passar pela estrela. Então de repente o lado que dava para o quadrante passou a ser ocupado por moradores. Existia uma informação que até alguém pretendia furar o aterro para obter água do lago.
O Trino Ajarã começou a negociar com aqueles moradores e levou quase sete anos para deixar aquele local sem muitos deles. Hoje 2013 para nossa tristeza, o local está com muitas construções novas, e hoje o que pode ser feito?
O Mestre Antônio Carrusca, que era muito amigo de Chico Xavier, certa feita disse me que ele Chico havia lhe dito que no Vale do Amanhecer(Templo Mãe), deveria haver somente uma entrada e saída, e que um povo espiritual vivia margem de um lago e que tivéssemos muito cuidado com eles.
“Um iniciado nunca deve levar um outro iniciado a justiça”
Esta frase era difundida abertamente e tínhamos isso como uma lei, e isto era ensinado abertamente entre o corpo mediúnico. Hoje tristemente foi usado esse sistema jurídico para mudar a história de nossa doutrina, e durante certo tempo não saímos das barras dos tribunais. Usou-se esse princípio para fazer-se uma assembleia, limitar o poder dos Trinos e tornar o poder do Presidente da Ordem vitalício. A doutrina de Tia Neiva cujo princípio maior foi seu poder espiritual, passou a ser decidida por juízes, promotores e advogados.
Também falava-se que quando o missionários fosse lanchar, alimentar-se, não deveria deixar suas mãos ficarem impregnadas de gordura, pois isto isolava suas mãos e as forças espirituais eram impedidas de agirem.
O Suriê, deveria ser usado somente no interior do Templo, não deveria ser usado de forma alguma a luz do dia, ou receber a luz direta.
O Trino Ajarã nos falou certa feita de uma Rainha muito poderosa que habitava espiritualmente os arredores do Vale. Nunca havia entrado, porque Tia Neiva e a espiritualidade não permitia...
Digo essas coisas para ficarmos atentos, que não somos intocáveis, pois a conduta doutrinária é nossa segurança. Sim Tia Neiva foi ao submundo e lá estabeleceu um acordo com os Sete reis negros, que eles não nos tocassem, pois os respeitaríamos e assim seriámos respeitados. Mas é bom lembrar que esse pacto vai prevalecer enquanto nos mantivermos em nossa conduta, quando algum Jaguar sair de seu perímetro seguro e lá for ter com eles, essa pacto individual será quebrado.
É bom pensar...
Refletir...
Gilmar
Adjunto Adelano
Julho-2013
Enviar um comentário