sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

Yuricy


Salve Deus!

Jaguares do Templo Mãe, Jaguares de outros Templos: diante da força decrescente de um povo, não existe distinção destas forças. Com a mesma facilidade que projetarei sobre vós forças e poder, estarei junto a Seta Branca exigindo a conduta doutrinária, porque o espírito da verdade, mais uma vez, exigirá o cumprimento desta missão simétrica. Cuida, filhos, de vossos físicos; cuide, filhos, de vossos amores; cuide, filhos, de vossas vidas materiais; juntos cuidaremos da vida física deste Planeta. A Ninfa Sol Yurìcy, na herança de Delfos vive, no ano de 2004, as seqüelas de um destino cármico, de um ciclo já fechado, como eu vos afirmei no nosso encontro passado, e somente os vossos trabalhos incessantes poderão extrair de vossos plexos as impregnações que ainda resistem às grandes conquistas desta Nova Era. Una as Ninfas Sol às Ninfas Lua, distribuam as rosas que a Ninfa Yuricy Edelves já acolhes nas heranças de Delfos, no fechamento ,desta Cabala, na individualidade de uma trajetória cármica de Adjunto Yuricy. Príncipes Mayas na origem da força cabalística que vos governa e vos governará por todos os dias de vossas vidas, somente a árdua Lei de Seta Branca, na vigilância constante de Adjunto Yuricy, permitiram que vos chegassem ao Ano de 2004, ofertando à corrente cabalística de Simiromba, correntes magnéticas luminosas, poderes transcendentais das vidas sobre todas as vidas deste Planeta, porque Príncipes Mayas tens nas vossas heranças a herança física do homem neste Planeta: Voltas, caminhe de volta às Cordilheiras, encontre vossos destinos no caminho de volta a vossas origens e Koatay 108, madrinha deste poder, no simbolismo do, Adjunto Yuricy, na vigilância de um poder firme nos propósitos da conquista do 3° Milênio, já vos resplandece o sol simétrico que vos governa, o sol simétrico que vos conduziu até aqui e que vos eleva na nobreza de vosso espírito luminoso e transcendental para encontrar os encantos dos Tumuchis nas cordilheiras silenciosas, nas origens de uma vida. Lembro-vos, filhos, Príncipes Mayas unificados à Senhora da Cabala - Ninfa Yuricy - juntando forças quando naquela era distante, na desintegração das forças, quebrando as Leis da Cabala que vos fizeram voltar para conquistar o mundo, remontando tempos, revivendo a vida do homem sobre a Terra, as vossas impregnações cármicas, físicas, ainda vos conduzirão e jamais vos afastarão de ti, porque Príncipes Mayas tens na impregnação ectoplásmática a essência da razão que vos faz viver nesta Terra e tão somente isso, porque o teu amor divino no teu coração é resplandecente. A tua vida missionária é luminosa e somente o poder da Cabala vos permitirá unificar essas duas forças na cura desobssessiva e assim alcançará o espírito da verdade a Koatay 108, que para sempre será a vossa Madrinha de vós outros por todos os séculos sem fim. Salve Deus!

Agradeço, filhos, todos os encontros do Povo de Yuricy, todas as vossas reuniões, vossos trabalhos. Quisera poder mostrar a vós as correntes magnéticas dos Abatás que se elevam ao Canal Vermelho permitindo à Koatay 108 curas luminosas de povos, rompendo guerras, renovando vidas sobre a Terra. Que teu poder cabalístico, filhos meus, não vos desampare nas vossas necessidades materiais. Salve Deus! Tiãozinho, Tiãozinho, sempre acompanhando de perto a transmutação das forças que o Povo de Yuricy proporciona às Correntes Brancas do Oriente Maior, por isso, ele se faz presente de uma forma luminosa na vida de cada um de vós. Salve Deus!

Enviar um comentário