quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

Trabalhos de Alta Magia

Salve Deus!
Muitos de vocês estão participando de uma grande missão nos planos luminosos. São os trabalhos de reparação, regeneração e transformação dos plexos físicos.
Eu estive em um trabalho de magnífica importância, onde estavam reunidas as falanges missionárias nesta contagem espiritual. Um ritual preciso e sem interferência da vaidade e soberba humana.
Todas as missionárias sabiam da importância desta missão que era afastar as falanges de terror que estavam se instalando no amanhecer. Este lugar parecia com o Turigano, mas era diferente na sua formação. Havia almofadas vermelhas colocadas no chão onde as missionárias de joelhos faziam suas emissões e cantos. Os espíritos aguardavam toda movimentação de forças para poderem entrar no oráculo e assim serem emanados (vacinados) pela divina sacerdotisa.
Pelo tempo disposto neste ritual é difícil poder completar ele na terra. Quando ele terminou uma missionária veio me explicar que ele tinha começado as 09h15m e terminado às 15 horas. Eu fiquei impressionado com a força que elas modelaram. Uma coisa que mais me chamou a atenção foi que neste ritual havia harmonia de todas, todas eram profissionais na sua arte de conhecimento.
Quando os pacientes deste trabalho foram passar, um som em alto volume resplandeceu o recinto. Ele despertava em cada um o seu medo interior, isso fazia com que as células vitais espirituais reagissem provocando uma separação do positivo do negativo. Foi algo espetacular de ver, porque as falanges de terror estavam usando as células negativas para interferir na vida da terra. Com separação pela corrente magnética foi possível abrir caminho para a regeneração dos tecidos precisos da nossa mente.
Há que todos os mestres participem mais dos trabalhos de energias para renovarem seus plexos e assim levarem consigo ao se transportar o que mais é necessário aos mundos espirituais.
Cada paciente entrava pelo lado esquerdo e saia pelo lado direito, cada um deixou sua garrafa de água para ser imantada pelas forças do astral superior.
A cabine que a sacerdotisa ficava era atrás desta formação, era como uma jaula magnética construída para afastar as forças negras, pois eles a queriam como escrava.
A energia empregada nesta missão se originou do plexo para o perispírito e depois para o espírito. Diferente da formação na terra que começa pelo espírito, para o perispírito e depois para o plexo físico.
Muitos mestres estão sentindo os efeitos destes trabalhos no físico porque estão levando suas energias para servir com amor aos planos luminosos. Por isso é necessário participar das escaladas e absorver a maior quantidade de energia das grandes amacês.
Fazer o ritual com precisão e não se distrair e nem distrair seu irmão ao lado. Nós precisamos estar conscientes de nossa natureza física espiritual da nova era.
Cada representante de sua falange, ao emitir de joelhos, buscava em sua força as juras transcendentais, aquilo que ela construiu ao longo de suas reencarnações, pois ali que estava à chave de todo o mistério envolvendo a sua iniciação. São as heranças que movem o circulo vital da vida.
Nesta grande elipse da vida criada por Koatay 108 não há meio termo. O poder absoluto deve ser almejado na sua escala evolutiva sem medo de ser feliz e temer as represarias das forças em movimento.
Não havia separação, mas união em Deus Pai Todo Poderoso. Sim. O que ali acontecia era algo que na terra vai ser difícil acontecer, pois nós terráqueos ainda estamos bitolados a nossa maneira de ser, de ver e de sentir.
Todos precisam de muita energia espiritual, e isso só será possível com os trabalhos de captação magnética em que a concentração mediúnica atraia para dentro do seu eu a infiltração do amor incondicional.
Eu vi e senti, não participei, tinha chegado depois de ter-se iniciado esta contagem de forças, mas fiquei feliz de ver que todas as falanges fizeram o seu ritual impregnando o ambiente de luzes coloridas medicinais.
Foi muito bom, foi de grande realização.
Salve Deus!
Adjunto Apurê

Enviar um comentário