terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

“CUIDADO COM AS GRANDES FILAS QUE AVANÇAM DIZENDO ESTAR EM NOME DE DEUS”


CUIDADO COM AS GRANDES FILAS QUE AVANÇAM DIZENDO ESTAR EM NOME DE DEUS”
 
                Salve Deus!
 
                Por sua recente implantação nesse terceiro plano, nossa doutrina pode ser considerada relativamente jovem, e muitos Mestres que hoje estão em atuação em nosso meio vem de outras doutrinas ou religiões.
                Pertencer a uma religião não é sinónimo de passagem garantida ao paraíso, Tia Neiva chegou a mencionar algumas vezes que o Jaguar não em direito a esse “paraíso”!
Ao Jaguar é reservado mesmo depois de sua passagem para os planos espirituais muito trabalho, pois sua ação na captura e tratamentos de espíritos continua nas dimensões, principalmente as que estão mais próximas da Terra.
Temos que pensar que somos um grupo que está nesse terceiro plano à dezanove encarnações, portanto, existem ainda parentes espirituais que estão evoluídos, e até nas Legiões do Divino Mestre Lázaro , mas também temos outros que estão nos pântanos e nos submundos espirituais, os quais perderam a própria consciência de ser, como consequência perderam suas características humanas, ou seja mesmo em forma etérica, seu corpo está disforme, deformado por sua mente deturpada, assim como temos outros que habitam universidades espirituais , onde pesquisas avançadíssimas no campo da biogenética estão em pleno avanço na busca do processo da encarnação que não passe pelos processos normais ou da centelha divina.
Outra consideração e atenção que devemos ter é quanto as colónias que habitam nas camadas próximas a Terra, são verdadeiros mundos que funcionam em todos os estágios evolutivos, temos colónias avançadas que buscam auxiliar a humanidade em suas pesquisas cientificas, onde outras procuram alterar o mecanismo celular, mudando a fisiologia humana e a consequente mente dessas criaturas. Outras colónias atuam no psiquismo, na arte de dominar, infiltrar a mente dos encarnados através da ideia ou pensamento religioso.
                É necessário e importante ter em mente que existem espíritos cuja mente avançada em conhecimentos, onde os mesmos são condicionados a acreditar no que é somente palpável, concreto e que tudo pode ser explicado através de equações matemáticas e físicas, acreditam em deus, mas não da mesma forma que os cristãos acreditam.
Continuam ainda na lei de dente por dente e olho por olho, e ao desencarnar são pegos, aprisionados por bandidos do espaço e vendidos como escravos aos chefes dos Vales da Sombras (Vale das sombras são locais no espaço onde há universidades e laboratórios trabalhando exclusivamente com a força negra) ,tanto que nossa  Clarividente nos dizia que há situações de determinados espíritos que quando desencarnam é necessário que  os Guias e Mentores simulem um outro desencarne para desviar a atenção desse Caçadores e bandidos do Espaço.
                Outro fato de suma importância é a aproximação e conjunção dos planos espirituais, essa proximidade tem misturado, miscigenados essas dimensões de tal forma, que podemos estar convivendo, em dimensões diferentes de padrões energéticos diferentes, mas extremamente próximos, e estarmos sendo observados, e o que nos protege é somente a conduta doutrinária, ela isola, dá uma condição de proteção maior do nêutron, impedindo assim a ação de espíritos especializados na ação de penetrar em nosso espaço e quando o fazem, mesmo assim estamos protegidos de suas influências.
                O padrão vibratório do Mestre Jaguar é o caminho e sua proteção contra as influências e correntes negativas, mas não podemos deixar de pensar nos acontecimentos que já vivemos a alguns anos, a própria alteração de nosso sistema hierárquico que modifica a força decrescente, diminuindo a ação de nossos rituais desobsessivos.
Hoje temos mais de 800 templos em todos o Brasil, não temos informações precisas quanto ao funcionamento físico e muito menos espiritual dessas unidades templárias. Quando encarnada Tia Neiva monitorizava as ações nos templos do Amanhecer e nível espiritual. Existem Jaguares honestos de boa-fé, que levam o compromisso que assumiram diante de Jesus a sua forma exata como são e foram criados. Mas estar envergando uma indumentária não significa ter passaporte para a luz. Muitas vezes o Trino Araken mencionou encontros com Jaguares que desencarnaram e estavam nas sombras, perdidos por ter corrompido seu próprio sacerdócio.
                Quando Pai Seta Branca mencionou sua celebre frase, não estava implícito  na mesma que os Jaguares estavam isentos dessa condição.
                Alertai Missionários; alertai.
Gilmar
Adjunto Adelano.
Enviar um comentário