segunda-feira, 16 de junho de 2014

Ensinamentos de Tia Neiva

Salve Deus, meus Filhos.
Porque o Pai Seta Branca adverte o seguinte:
“ – Ensine o Homem, ensine as coisas boas ao homem que ele deixa de
errar nas coisas que lhe prejudicam.”
Então, eu fico pensando, será que, será que eu não ensinei nada?
Será que alguém deixou de aprender?
Salve Deus!
Eu estou com essa história na cabeça, porque aqui, aqui entre nós, tá
tendo muito Mensageiro de Asinha Negra...
Mas esses mensageiros, eles não ficam felizes enquanto não fazem a
derrota de alguém. Ninguém pode ser feliz nesse mundo... Ele é que se estraga,
ele é que se arrasa realmente.
Porquê as coisas que vocês falam um do outro, eu não ponho na
Contagem, na nossa Contagem Universal. Eu só digo, só afirmo e considero as
que eu vejo pelos meus olhos de Clarividente em Nome de Nosso Senhor Jesus
Cristo.
Salve Deus!
Eu tô vendo muita coisa surgindo por aí, vamos deixar essa posição de
mesquinharia, de disse me disse, coisinhas, fulano...
Olha meus filhos, vamos deixar as mesquinharias, vamos ver se a
gente se une, mas se une mesmo, nesse Amor bacana, que nós precisamos um
do outro. Mas só chegue perto do seu irmão quando você conhecer a você
mesmo.
Nós temos por obrigação de conhecer a nós mesmos. Nós temos que
nos conhecer, a gente tem que conhecer dentro de nós o que realmente nós
temos capacidade pra ser, pra emitir, pra querer.
Porquê quando a gente conhece a gente mesmo, a gente olha pra
outro se pensa que ele está errado, que todo mundo tá falando, que todo mundo
tá levantando falso testemunho, você conhece a você mesmo:
Puxa, se eu estivesse no lugar daquela pessoa, eu tenho que levantar
aquela pessoa...”

E assim, você acaba vendo que só existe uma coisa, um Deus e uma
Verdade, e a Verdade, sabe qual é? Você conhecer dentro de você. É tão
bacana, sabe.
Salve Deus!
Então minhas filhas, e meus filhos, principalmente vocês Jaguares, eu
vou avisar: A coisa que eu tenho mais horror e mais desprezo é gente fuxiqueira,
gente que faz fuxico, fuxico que inferna a vida do outro, principalmente casal.
Salve Deus.
Vamos cuidar da nossa própria vida e deixar o nosso vizinho. Vamos
deixar essas mesquinharias!
Porque, porque essa casa é o Amor, o Amor de Jesus, o Amor
Absoluto. Vamos amar a Jesus, Pai Seta Branca, e deixar essas coisas, e viver a
vida do lar, a vida de Amor, esquecer dos nossos vizinhos, que nós não temos
nada com os nossos vizinhos!
Salve Deus!
Agora, meus filhos queridos do meu coração, eu tenho Amor a vocês
que só Jesus, só Jesus pode saber!
Salve Deus!
Vamos cuidar da Doutrina, simplesmente da Doutrina, vamos viver
essa Doutrina maravilhosa.
Esse Vale há de ser uma Terra Santa que tá impregnando nesse
mundo inteiro, as nossas mãos curadoras, os nossos olhos que reflete uma luz,
um poder iniciático, a nossa fala, a nossa palavra, a vida de amor!
Salve Deus!
Tia Neiva


Enviar um comentário