quinta-feira, 27 de junho de 2013

Os Mistérios da Iniciação


Os Mistérios da Iniciação

Não devemos comentar o quê passamos ou observamos no Castelo de Iniciação. Não é que se quebra “uma promessa” e sim se quebra o encanto!

A Magia da Iniciação deve ser preservada! Somente poucos Mestres e Ninfas, efetivamente responsáveis por este trabalho é que devem ter acesso a este setor do Templo.


Não podemos de forma alguma gerar temor no Aspirante, mas devemos incentivar sua concentração e mediunização. Fazer que viva intensamente os momentos de sua Iniciação, que ficarão marcados em toda sua vida física e em sua memória transcendental.

Um toque de mistério, uma saudável expectativa, mas nunca despertar o temor do medo pelo desconhecido! Deve ficar claro que não passarão por nenhum tipo de constrangimento ou perguntas inapropriadas.

É um momento mágico que não deve ser quebrado! Somente se pode voltar ao Castelo de Iniciação, após ter feito a sua, quando for Padrinho ou Madrinha, e ainda assim irá a um Castelo diferente do que participou como Iniciante.

A exceção, repito, fica por conta dos poucos Mestres e Ninfas que devem preparar o ambiente e participar na organização do Trabalho.

Como é linda nossa Iniciação! Inesquecível! Intraduzível com palavras humanas. Foi isso que vivi e que temos a obrigação de providenciar para os futuros Iniciados.
Nosso Primeiro Passo Iniciático! Só vamos descobrir que os melhores momentos de nossas jornadas mediúnicas foram os tempos de “branquinho”, quando o tempo tiver passado
Enviar um comentário