quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

As Projecções Fluídicas (carta de Tia Neiva)


Meu filho Jaguar,
Salve Deus!
O desenvolvimento opera-se em três fases segundo a desligação e DIVISÃO: O terceiro desaparece e está sempre a VAGUEAR, sua sintonia é imprevista, obedecendo sempre os instintos dos outros Plexos buscando sempre seu mundo transcendental, o homem conhece os mundos pela força dos seus contactos em reencontros transcendentais do seu micro microcósmico ou micro-plexo!
A possibilidade de um conhecimento místico da justa aspiração direito legítimo, necessidade, reencontro, penetra e desabrocha os anseios de sua alma.
O homem que não tem forças de construir um roteiro filosófico, isto é, mesmo uma teoria," digo assim" algo que busque além de seus rudes pensamentos ao alcance dos olhos físicos para descobrir os segredos ocultos da própria alma, que é o micro-plexo, descobrir os segredos ocultos existenciais, desenvolver, conhecer os enigmas das LENDAS na certeza de que tudo vive em Deus, existe, relaciona, e tudo se relaciona através dos grandes recursos da alma. A consciência é o peso indefinido do inconsciente ao consciente.
Quando sentir o peso da consciência, arraigue-se ao inconsciente, algo que pese a sua consciência e a desperte.
O homem que passa despercebido dos anseios de sua alma, não se envolve e não se preza, é como diz o grande Victor Hugo: "É expectador, não é homem, passou pela vida e não viveu". Do seu mundo inconsciente dependerá do verdadeiro conhecimento religioso nesta realidade psíquica. Anda teus mundos a reparar...
Imagine a reparação do seu próprio ego; sozinho... e sem caridade do trabalho mediúnico. Eu, e a divina essência que avança através das heranças transcendentais, de nada valeria se não fosse o sentido do amor místico religioso, em seu princípio de moral único, sem falsos preconceitos de castas ou a falsa acumulação do "pecado original" carne, carne; espírito, espírito.
Tudo que digo por amor insisto, pelo que aprendo do meu mestre Umahan. O homem vive os seus instintos do céu e da terra. A matéria organizada ainda que represente um simples átomo, contém sua grande soma de energia de extraordinário poder e deverá manter, cada vez mais, seu equilíbrio com as demais composições para entrar no todo, porque fora do campo espiritual que é imenso, inesgotável, jamais o homem poderá encontrar a solução desejada, que é a definição, a lógica do espírito da verdade enquanto o ser humano não adquirir pleno conhecimento de si mesmo, de sua força, nada poderá exercer influência decisiva. Quanto mais seguro, mais nítido os fenómenos acontecerão.
Por exemplo:
Sabemos que tudo na vida tem a sua razão de ser!
Vou contar um fenómeno que vi em minhas andanças pela madrugada ao lado de Amanto: Confiada no que me disse Umahan, "deverá encontrar sua tarefa como um santo sacerdócio, a tua responsabilidade implica a séculos, é grande a fração que te foi confiada, conhecerás a verdade e ela te libertará. A luz da verdade irá resplandecer em ti, empenhada em missão. E, falarás o que te convier a sã doutrina". Enquanto caminhava estes pensamentos, quando se descobriu o Canal Vermelho, meu País Etérico, nome denominado talvez somente para mim, e pela minha dificuldade, pela primeira vez tive uma enorme surpresa, uma grande praça que compunha três igrejas e um enorme edifício com um simples letreiro, UMATÃ. Via-se pessoas de diversos níveis, senti um enorme impacto diante desta casa...senti medo que aqueles conhecimentos inesperados viessem deformar o conhecimento de minha doutrina. Lembrei-me "e somente falarás o que te convier" decidi-me então a percorrer e saber de tudo que os meus olhos viam e ouvia: Umbanda!... Candomblé!... Meu Deus! porém, Amanto parecia que não me ouvia e começou a narrar por tudo que estava ali, "Umatã, Candomblé, Umbanda, Igreja Católica, Presbiteriana.
- Neiva, acorde, o teu mestre Umahan me ensinou o comportamento, colocou-me na ciência dos espíritos, não segurou nas pernas conhecendo a ciência no céu e na terra. E agora descortina a vida fora da matéria! Sim, porque a matéria já conheço e sua filosofia, Neiva! No mundo espiritual a vida é mais subtil, o homem chega com as convicções e se desespera quando se sente ludibriado por sua religião. Sua mente começa a projetar limitando-se ao pobre e incapaz espírito porém, estes, quando vêm parar aqui, nesta praça; é porque tiveram a bênção de seus mentores, são bons e logo entendem que aqui há uma unificação na doutrina e na religião. Os espíritos que não tem seus padrinhos ou mentores ficam a esmo e suas mentes não alcançam, ou não traz até aqui. O homem tem sua bagagem transcendental, que nós a chamamos de herança: e carrega consigo, como também, é projetado nas suas cobranças, lendo o que esta escrito entenderás porque o homem precisa de sua crença para evitar as prováveis projeções. Sim, notando-se que existe três maneiras de projeção fluídica, e denominada pelos espíritos:
Projeção mental fluídica, emitida ou trazida por uma doutrina ou religião, a projeção mental de homem para homem. Sem se esquecer que cada homem tem seu ponto de partida, porque as forças do plexo reunidas se resumem, sintetizam-se definem-se explicando toda verdade da vida, o homem tem seu ponto de partida.
A apuração dos conhecimentos relacionados com a vida reduz os erros que também já é rotina.
Finalmente, o que é a vida senão a ação permanente da força sobre a matéria na Lei rígida imutável, tudo se manifesta na consubstanciação dos três reinos da natureza humana, principalmente, quando sabemos que pelo pensamento aprimora, fortalece pelo poder consciente da vontade, os pensamentos fortes refletidos são claros e definidos.
Com carinho, a Mãe em Cristo,
Tia Neiva.
Vale do Amanhecer, 26/04/80
Enviar um comentário