segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

Mensagem de Pai Seta Branca - 1971

Salve Deus,
Comomora-se hoje mais um aniversário de nosso Pai Seta Branca, o Grande Simiromba de Deus.
Assim, em sua homenagem, publicamos a sua mensagem dada aos Jagures, em 31 de dezembro de 1971:

Vale do Amanhecer, 31 de dezembro de 1971.
Meus filhos, Salve Deus!
Quisera hoje, neste augusto enterro do ano de 1971, trazer-vos uma mensagem
cheia de paz e tranqüilidade. Porém o tributo de vidas mal distribuídas não me dá a feliz
oportunidade.
Vivemos a marcha evolutiva para uma nova civilização. Pela conduta irredutível
dessa tribo ainda me é possível dizer: filhos abnegados de Deus, agradeço-vos pela
oportunidade que acabaram de oferecer-me. Aqui estou e estarei sempre em espírito e verdade,
objetivando, mil vezes agradecendo esta sublime bagagem que trazeis. Vejo-os como pequenos
acumuladores de cargas tão iguais!
Filhos, sei que os desenganos, renúncias, dores e saudades de um mundo
transcendental vos devoram a alma. Porém, confiante, sei que a miséria ou um infeliz
reajuste de tragédia, jamais atingirá vossos corações.
1971! - Quantas vezes, filhos queridos, os vi chorar, os tristes reajustes dos
vossos destinos cármicos!... Quantas noites enxuguei os vossos prantos, quantas noites temi
pelas vossas reações, nos vossos leitos de enfermidade!... Sim, filhos, foi sempre sutil minha
mensagem de pai, às reações de amor, de ira, de medo e de saudades.
Filhos, é rico o presente que me oferecem na alegria e na esperança de um novo
1972. Rico sou, o pai de filhos como vós outros, com tudo de bom e de sublime, e que
renunciam um mundo por uma Doutrina do Amanhecer!
Filhos que ainda caminham neste carreiro terrestre: olhai em torno vossos irmãos
menos esclarecidos, e erguei a doutrina para uma nova Era: 1972 vos trará prenúncios do
renovador Terceiro Milênio.
O homem que tentar fugir de sua meta cármica ou juras transcendentais, será
devorado, ou se perderá como pássaro que tenta voar na escuridão da noite!
Filhos, dentro de alguns instantes estareis vivendo 1972, e todo o Universo
estará cantando aleluia. Todas as mensagens estarão glorificando o desenvolvimento do
Homem, enquanto vós outros, reunidos em um só pensamento, preferis trazer esta rica mensagem ao mais humilde dos pais:
                                            Pai Seta Branca


Enviar um comentário